Companhia inicia construção de maior projeto solar no mundo no Rio Grande do Norte

A Voltalia iniciou neste mês a construção das usinas Solar Serra do Mel 1 (SSM 1) e Solar Serra do Mel 2 (SSM 2) no Rio Grande do Norte. Juntas, elas somam 320 megawatts. As plantas fazem parte do Cluster Serra Branca, maior complexo eólico e solar da companhia no mundo, que possui capacidade total de 2,4 GW e conta com diversos parques eólicos em operação e centenas de megawatts em desenvolvimento.

 

A previsão é que o comissionamento ocorra durante o primeiro semestre de 2022. Serra Branca é um cluster híbrido e está localizado entre os municípios de Areia Branca e Serra do Mel, região conhecida por concentrar ótimas condições eólicas e solares no estado.

 

Robert Klein, CEO da Voltalia no Brasil, lembra que "as duas fontes de energia são complementares, uma vez que a produção eólica ocorre, predominantemente, durante a noite". "Com isso, pretendemos aproveitar essa sinergia das fontes, além do compartilhamento da mesma estrutura de escoamento de energia, para desenvolver projetos mais competitivos e rentáveis para o mercado", comentou.

 

A construção das plantas solares vai gerar centenas de empregos diretos e indiretos na região. A companhia está oferecendo cursos de capacitação para instalação de placas solares, com o objetivo de qualificar moradores para as obras do projeto, formando novos profissionais para o mercado de trabalho.

 

G1RN

-

Paraíba

Paraíba obtém melhor nota em ensino remoto no país e desempenho ganha repercussão nacional

Paraíba

Operação da DRACO, GOE e com apoio da 3ª SRPC resultou em prisões e apreensões no Sertão da Paraíba
© 2021. Catolé News. Todos os direitos reservados