Corpo de Né Marinheiro será velado nesta quinta na Câmara Municipal de Riacho dos Cavalos; Sepultamento será no final da tarde

Faleceu às 05:30 desta quarta-feira (19 de abril), em Fortaleza (CE), aos 95 anos, Manoel Adonias de Oliveira, mais conhecido por Né Marinheiro ou Pai Né, patriarca da família Oliveira de Riacho dos Cavalos.

 

Né Marinheiro nasceu em 25 de outubro de 1921, e viveu quase toda sua vida na pacata cidade de Riacho dos Cavalos (PB), município que integra a Regional de Catolé do Rocha.

 

O decano Pai Né foi um homem de vasta história marcada pelo trabalho, dedicação à família e aos amigos. Foi vereador no município de Riacho dos Cavalos, e presidiu na Câmara municipal na gestão do ex-prefeito Raimundo Vieira da Costa (Raimundo Rosendo), onde residiu por quase toda vida, e criou sua família.

 

Né Marinheiro casou-se e viveu por cerca de 70 anos com a inesquecível Dona Madalena, carinhosamente conhecida por Mãe Ena, e tiveram 12 filhos. Da prole surgiram 54 netos, 109 bisnetos e 33 trinetos. Ao todo a família Pai Né e Mãe Ena geram 208 vidas.

 

O corpo de Pai Né foi transladado de Fortaleza para Catolé do Rocha, onde chegou no final da tarde e foi velado durante toda a noite na residência da família localizada à Rua Macilon Cavalcante, no bairro Noel Veras.

 

Por volta das 08h30 o corpo foi transo início de amanhã (quinta, 20), por volta das 08h00, o corpo seguirá para a cidade de Riacho dos Cavalos, onde serão feitas homenagens no plenário da Câmara Municipal.

 

Ás 16h00 será celebrada uma missa de corpo presente, na Igreja Matriz de São Francisco de Assis, e em seguida o sepultamento no Cemitério Público de Riacho dos Cavalos.

 

 

 

 

 

 

PORTAL CATOLÉ NEWS

 

-

Catolé e Região

Melhor jogador catoleense de todos os tempos 'NENA NUNES' participou do Programa Catolé News desta sexta

Catolé e Região

Polícia Militar de Pombal age rápido e prende 'Léo do Cacete Armado' acusado de assalto a estabelecimento comercial
© 2017. Catolé News. Todos os direitos reservados