Mais um acusado de envolvimento em ataques a instituições financeiras é preso na Paraíba

Mais um acusado de envolvimento em ataques a instituições financeiras foi preso pela Policia Militar em Campina Grande. A ação, que capturou um homem que estava sendo procurado pelo crime de furto qualificado em bancos do município de Santa Rita e até do estado do Maranhão, aconteceu no bairro Santa Rosa, na Rainha da Borborema.

O acusado foi preso por policiais militares do 2º Batalhão, que receberam informações sobre o paradeiro dele. “O foragido foi visto ainda na rua, tentou fugir mas foi alcançado em sua casa. Ele apresentou documento de identificação falso, mas conseguimos confirmar seu verdadeiro nome e constatamos que contra ele havia um mandado de prisão em aberto”, explicou o tenente Erick Belarmino, que comandou a ação.

O foragido, que têm 38 anos de idade, responde criminalmente por furto qualificado em bancos de Santa Rita e do estado do Maranhão, sendo suspeito de participar de uma quadrilha interestadual. Na casa onde ele estava, os policiais localizaram vasto material que comumente é utilizado em ataques a instituições financeiras e caixas eletrônicos, como furadeira, lixadeira, parafusadeira, discos de corte, chaves de fenda, entre outros.

Todo o material e o acusado preso foram encaminhados para a Delegacia de Roubos e Furtos, na Central de Polícia. Além do crime do mandado, ele também foi autuado por utilizar identificação falsa. (PM-PB)

-

Catolé e Região

Polícia Militar recupera duas motocicletas com queixa de roubo, em Brejo dos Santos (PB)

Brasil

Mega-Sena, concurso 2.277: ninguém acerta as seis dezenas e prêmio vai a R$ 40 milhões
© 2020. Catolé News. Todos os direitos reservados