Suspeito de matar amigo esfaqueado e incendiar residência é preso em pousada na PB

Um homem foi preso, na manhã desta quinta-feira (12 de setembro), em Cajazeiras, Sertão da Paraíba, suspeito de esfaquear e enforcar amigo, na quarta-feira (11), em Campina Grande. Além disso, a casa da vítima foi incendiada, na madrugada desta quinta-feira.

O corpo de Guilherme Gregório Costa Brito, de 33 anos foi encontrado dentro da residência, por familiares, com marcas de perfuração por faca e com sinais de enforcamento.

Na madrugada de hoje, os vizinhos acionaram o Corpo de Bombeiros por causa do incêndio na residência.

O homem preso seria um amigo da vítima e morava com ele. De acordo com a Polícia Militar, o homem teria fugido no carro da vítima e foi preso após a polícia identificar a placa do veículo. Com o homem foram encontrados o celular e os documentos da vítima.

Ele disse a polícia que estava jogando poker com a vítima quando houve um desentendimento e que entrou em luta corporal com o amigo, após ele tentar esfaqueá-lo.

Rudson Dias de Araújo, de 31 anos foi preso e aguarda audiência de custódia na Delegacia Regional de Cajazeiras.

-

Brasil

Petrobras diz que não há previsão para reajuste de preços

Paraíba

Samu João Pessoa recebeu quatro ambulâncias e tem 100% da frota renovada
© 2019. Catolé News. Todos os direitos reservados