Botafogo/PB vence o Ferroviário no Almeidão e deixa a zona do rebaixamento

O Ferroviário foi derrotado por 2 a 1 pelo Botafogo/PB no estádio Almeidão, em João Pessoa (PB), pela 10ª rodada da Série C do Brasileiro. Com o resultado, o time coral estaciona nos 14 pontos e prolonga sua má fase, correndo risco de sair do G4 pela 1ª vez nesta Série C caso o Paysandu vença o Santa Cruz amanhã no Arruda.

O Ferroviário entrou em campo com força máxima e decepcionou. Enfrentando um time em crise e na zona de rebaixamento, o time coral fez uma partida muito abaixo da esperada.

Em nenhum momento o time coral foi superior ao adversário, não conseguindo encaixar seu jogo. Os jogadores encarregados de criar jogadas e construir o jogo, não conseguiram criar, sendo facilmente marcados.

E como o Botafogo também não fazia um bom jogo, pela sua clara limitação técnica, o primeiro tempo foi para esquecer, sem nenhum lance de perigo digno de nota.

O único lance relevante do 1º tempo não foi chance de gol e sim o choque do goleiro coral Nícolas com Rodrigo, com o arqueiro coral tendo sério trauma no nariz e precisando ser substituído, entrando Genivaldo.

E se o 1º tempo coral foi ruim, o 2º foi pior. Logo com 1 minuto, Lucas Hulk foi expulso após o 2º cartão amarelo e complicou o que já era difícil.

No lance seguinte de ataque do Botafogo/PB, saiu o gol, com Rodrigo. No lance, o goleiro coral, Genivaldo ainda fez bela defesa, mas a bola acabou entrando: 1 a 0.

O cenário para o Ferroviário era do mais difíceis, mas o time conseguiu empatar três minutos depois, em boa jogada de Tiago Costa, achando William Lira em boa situação para empatar: 1 a 1.

Mas antes logo depois que o técnico Marcelo Vilar fez 3 alterações para recompor o sistema defensivo coral e encorpar mais a equipe, o time sofreu o gol, aos 11 minutos. Ramon recebeu lindo passe pela esquerda de Higor Leite e bateu cruzado para vencer Genivaldo.

A partir daí o Tubarão da Barra não teve forças para buscar o empate, sendo pressionado pelo Botafogo. O time da casa teve pelo menos mais duas chances para ampliar o placar, mas as desperdiçou.

Para o time coral, após a derrota, um alerta: com apenas uma vitória nos últimos 6 jogos, o clube precisa se reagrupar para não deixar mais uma vez a vaga na 2ª Fase escapar. O próximo compromisso coral é contra o Remo, no dia 17, às 17 horas, no Castelão.

Diário do Nordeste

-

CNEWS TV

Polícia Civil faz maior apreensão de drogas sintéticas dos últimos anos com material avaliado em R$ 1 milhão

Política

Nova Pesquisa Ibope em João Pessoa: Cícero, 21%; Nilvan, 15%; Ricardo, 10%; Wallber, 10%
© 2020. Catolé News. Todos os direitos reservados