Cumprindo Ordem Judicial, 22 famílias desocupam casas invadias na cidade de Jericó

A pequena cidade de Jericó, um município no estado da Paraíba, localizado na microrregião de Catolé do Rocha, com uma população estimada em 7.600 habitantes viveu um dia atípico nesta quinta-feira (29 de outubro), com cenas vividas por moradores de cidades grandes.

Toda a pândega ruidosa se deu em virtude do cumprimento de uma liminar judicial, determinando a desocupação de vinte e duas (22) casas populares que haviam sido invadidas por famílias sem tetos, e que foram obrigadas a deixarem as residências por ordem judicial.

A liminar foi concedia pela Juíza Dra. Izabelle Braga – substituta da 2ª Vara Mista da Comarca de Catolé do Rocha (PB), atendendo a uma ação movida pela Construtora R NASA, responsável pela construção de 22 unidades habitacionais do programa Minha Casa, Minha Vida do Governo Federal.

A Tropa Choque da Polícia Militar acompanhou a desocupação que transcorreu nesta quinta-feira de forma pacífica. Mas, mesmo diante da aparente tranquilidade no ato da desocupação, as imagens das pessoas adultas, contrastavam com crianças e idosos, que foram obrigados a colocarem móveis e pertences ao relento.

De acordo com nota divulgada pela Prefeitura Municipal de Jericó, o gestor Cláudeeide de Oliveira Melo, atendeu a um chamado do Ministério Público que solicitou da prefeitura uma solução cabível para o problema, mas devido a falta de local e recursos próprios, a instituição ficou impossibilitada de solucionar o caso.

 

 

 

 

 

PORTAL CATOLÉ NEWS

Com imagens do WhatsApp

 

-

Paraíba

Boletim desta quarta (08): Paraíba confirma 1.542 novos casos de Covid-19 em 24h e mais 26 óbitos

Política

Novas datas: MEC anuncia que Enem será em 17 e 24 de janeiro de 2021
© 2020. Catolé News. Todos os direitos reservados