Catolé News

Paraíba

21 de Março de 2013 Humberto Vital - 846 pessoas já leram.


Reitoria recebe estudantes, discute sobre a greve de professores e expõe projetos para a classe estudantil

O reitor da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), professor Rangel Junior, recebeu na manhã desta quarta-feira (20) um grupo de estudantes que buscaram esclarecimentos em torno das negociações que têm sido realizadas para pôr fim à greve dos professores. A reunião aconteceu no Gabinete do Reitor, no Campus I, em Campina Grande, e contou com a presença de mais de 30 alunos do Diretório Central dos Estudantes (DCE) e Centros Acadêmicos (CAs).

Rangel ouviu atentamente os estudantes, mostrou que a Reitoria estava aberta a negociação com os dois sindicatos e, desde que o movimento foi deflagrado, estava buscando alternativas para solucionar o impasse. Ele reafirmou que o orçamento disponibilizado para a UEPB no exercício de 2013 – R$ 231 milhões – impossibilita a Administração Central de conceder os reajustes, o que iria estourar todo orçamento previsto para o ano.

O reitor apresentou, ainda, dados e números que retratavam a atual realidade financeira da Instituição. De forma enfática, mostrou que o orçamento proposto para esse ano é menor do que o executado em 2012 e que a UEPB só tem disponível R$ 30 milhões destinados para investimentos. “Estamos redefinindo toda planilha orçamentária, o chamado Quadro de Demonstrativo de Despesas (QDD), para saber onde podemos aplicar as fontes e as rubricas” explicou.

DSC03116Durante o encontro, os estudantes entregaram ao reitor uma petição assinada por mais de 1.400 alunos mostrando os prejuízos que a greve tem causado a mais de 22 mil alunos. A direção do DCE também entregou um documento com o mesmo objetivo. Eles pediram que os documentos fossem encaminhados ao governador do Estado, uma vez que o movimento grevista tem causado sérios prejuízos aos estudantes. De pronto, o reitor se comprometeu em protocolar os documentos e atender ao pedido dos representas da comunidade estudantil.

O reitor também elogiou a iniciativa dos estudantes e apresentou alguns projetos que pretende executar este ano visando garantir melhorias para a classe estudantil. Ele garantiu que, em 2013, a UEPB vai gastar com assistência estudantil mais do que no ano passado. Para isso, vai aumentar o valor das bolsas e o quantitativo na área de residência e alimentação.

Esse aumento, conforme explicou Rangel Junior, será possível porque a UEPB conseguiu R$ 1,5 do Ministério da Educação e Cultura (MEC) para a assistência estudantil. “O fato de termos entrado no SISU, com metade das vagas disponibilizadas para acesso pelo SISU, permitiu que a Universidade captasse recursos para ser utilizado para assistência estudantil”, ressaltou.

Em relação a melhorias nos laboratórios, uma das reivindicações dos estudantes, Rangel Junior garantiu que a Administração Central já determinou a Prefeitura Universitária para fazer reformas em alguns laboratórios. Ele se comprometeu em construir o laboratório de Química até o final do ano. Ao final, os estudantes pediram ao reitor para agendar uma nova reunião para a próxima sexta-feira pela manhã, desta vez com a presença dos representantes do comando de greve dos docentes.

DA ASSCOM-UEPB 



-

Outras Notícias

Giro da Notícia

  • ENTREVISTA COM GILBERTO CARVALHO - C0ORDENADOR DA CAMPANHA DO PT

    Secretário Gilberto Carvalho diz que “Contradições da Marina começam a ficar mais fortes”
Catolé News - O portal que dá notícias da nossa gente!
Rua José Bonifácio, 34 1º Andar Bairro do Batalhão - Catolé do Rocha Paraíba
Telefone: (83) 8851.1734 - 9642.0101
E-mail: catolenews@gmail.com