Preso nesta quarta-feira (15) suspeito de matar dono de loja de baterias na Grande João Pessoa

A Polícia Civil da Paraíba deu cumprimento a um mandado de prisão, nesta quarta-feira (15), contra um dos suspeitos de matar um homem em uma loja de baterias nas cidade de Bayeux, região metropolitana de João Pessoa. O crime aconteceu no dia 4 de abril de 2022 e foi registrado por câmeras de segurança.

De acordo com a delegada Luisa Correia, além do cumprimento do mandado de prisão, houve uma nova autuação em flagrante, pois no local foram encontradas substâncias entorpecentes suficientes para caracterizar tráfico. O suspeito e o material apreendido foram levados à Central de Polícia de João Pessoa, no bairro do Geisel.

A polícia deve ouvir o suspeito a fim de capturar os outros envolvidos no crime que resultou na morte de Getúlio da Silva Figueiredo Júnior, um dos donos do estabelecimento.

O crime

Era uma tarde de segunda-feira quando um homem de 29 anos foi morto a tiros em Bayeux, na Região Metropolitana de João Pessoa. O caso aconteceu em uma loja de baterias, no bairro Imaculada. Uma câmera de segurança registrou o crime (veja o vídeo no final da matéria).

Pelas imagens, é possível observar o momento em que dois homens encapuzados e armados descem de um carro e começam a atirar em direção da vítima. Getúlio da Silva Figueiredo Júnior, que era um dos donos do estabelecimento, chegou a ser socorrido mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

Um outro homem, de 24 anos, que estava no local também foi baleado. A informação é de que ele seria um cliente.

Os dois foram socorridos para uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Bayeux.

Após o crime, os atiradores entram no carro e fogem.

T5

-

Catolé e Região

Catoleense Aldeni Monteiro Diniz, proprietário das Óticas Diniz de Maceió morre de infarto nesta segunda

Esportes

Sampaio Corrêa vence o CSA por 2 a 0 no Castelão e sobe para 9ª posição na Tabela da Série[...]
© 2022. Catolé News. Todos os direitos reservados