Frota diz que entrará com pedido de impeachment contra Bolsonaro: “ele está abrindo uma crise institucional”

Ex-aliado de Jair Bolsonaro, o deputado federal Alexandre Frota (PSDB-SP) pediu a advogados que preparem um pedido de impeachment contra o presidente devido à incitação da população contra o Congresso e o Supremo Tribunal Federal (STF). O parlamentar pretende apresentar o pedido nos próximos dias.

Frota criticou a iniciativa e prometeu trabalhar nas trincheiras das redes contra o antigo amigo.

“Eu acabo de solicitar a uma junta de advogados que, diante dos fatos, ameaças e do disparo do vídeo do celular dele. Vou entrar com o impeachment, vou assinar. Bolsonaro prometeu que sempre lutaria pela democracia. Mentiroso. Ele está abrindo uma crise institucional”, afirmou o parlamentar ao jornalista Guilherme Amado, da Revista Época.

Sobre a polêmica

O presidente da República Jair Bolsonaro, segundo veiculou a imprensa, estaria usando seu número pessoal de WhatsApp para convocar seguidores para o ato do próximo dia 15 de março contra o Congresso Nacional. A manifestação possui forte teor golpista, já que alguns panfletos têm evocado o AI-5 e pedido a saída dos presidentes da Câmara, Rodrigo Maia, e do Senado, Davi Alcolumbre.

No texto que envia junto com o vídeo, Bolsonaro escreve: “15 de março, Gen Heleno/Cap Bolsonaro. O Brasil é nosso, não dos políticos.

-

Policial

Polícia Militar prende albergado e apreende arma de fogo, no Curimataú paraibano

Rio Grande do Norte

Dona de Farmácia é executada dentro do seu estabelecimento na tarde desta segunda, em Mossoró
© 2020. Catolé News. Todos os direitos reservados