Câmara dos Deputados vota nesta sexta-feira destaques da reforma da Previdência

O plenário da Câmara dos Deputados está em seu quarto dia consecutivo de votação da reforma da Previdência. Os parlamentares devem concluir a votação dos destaques e a tentativa é aprovar o texto em segundo turno ainda nesta semana, para evitar que a análise fique para agosto, após o recesso parlamentar.

A missão, no entanto, tem várias fases. Após a conclusão da votação dos destaques, o texto precisa passar pela ratificação da comissão especial para que possa voltar ao plenário. Depois disso, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ) deve colocar em votação um requerimento para a quebra do intrínseco, isto é, dispensa do prazo regimental de cinco sessões entre o primeiro e segundo turno da votação para que a matéria possa ser apreciada.

Para ser aprovada em segundo turno e poder seguir para o Senado, é necessário que o texto seja novamente aprovado por três quintos dos parlamentares – 308 votos de 531 parlamentares. Na última terça-feira, o texto-base passou em primeiro turno por 379 votos a favor e 131 contra.

Veja Online

-

Política

Bolsonaro diz que há ‘psicose ambiental’ no Brasil, e sinaliza que vai esconder dados sobre desmatamento

Política

VAZOU! Bolsonaro critica João Azevêdo e condena liberação de recursos à PB: “Tem que ter nada para esse cara”
© 2019. Catolé News. Todos os direitos reservados