Suspeito da morte do Agente Penitenciário Federal é morto em confronto com a polícia Federal

Policiais da Delegacia da PF em Mossoró encarregados da investigação do assassinato do Agente Penitenciário Federal Henry Charles Gama Filho ocorrida no último dia 12/04 naquela cidade, receberam a informação nesta terça-feira (18), de que um dos suspeitos de ter praticado tal crime estaria prestes a deixar a cidade em um veículo Amarok de cor preta não se sabendo porém com que destino.

 

De imediato, a PF solicitou apoio da Polícia Rodoviária Federal que, instantes depois, se deparou com um veículo de idênticas características, ocupado por dois homens, deixando a cidade através da BR 304 com destino a Natal, os quais não obedeceram a ordem de parada. 

 

Houve perseguição e nas proximidades de Assu foi travado um intenso tiroteio, vindo um dos suspeitos, identificado como Luiz Artur de Freitas, o “Luizinho”, acusado de arrombamentos, assaltos a bancos e carros fortes no CE e RN, a ser morto. O outro, conseguiu fugir.

 

Durante a ação foram apreendidos fuzis, pistolas, coletes a prova de balas e munições.

 

As investigações prosseguem visando localizar e prender os envolvidos na morte do agente penitenciário federal.

 

 

 

 

 

CATOLÉ NEWS, COM ASSESSORIA

 

 

-

Catolé e Região

8º JOGO DAS ESTRELAS movimenta o Parque das Mangueiras neste domingo; Novinho dos Teclados, Célio Lima e Jamerson Ferreira anima[...]

Policial

Polícia prende suspeitos de tráfico de drogas na região metropolitana da Capital
© 2017. Catolé News. Todos os direitos reservados