PF investiga fraudes em licitações e desvios milionários na compra de medicamentos em prefeitura de Coremas

A Polícia Federal, com apoio da Controladoria-Geral da União, deflagrou na manhã desta terça-feira (26) a Operação Galeno, com o objetivo de combater os crimes de fraude em licitação, desvio de recursos públicos e lavagem de dinheiro no cidade de Coremas, na Paraíba.

As investigações apontam indícios de que licitações realizadas pelo ente municipal para fornecimento de medicamentos entre os anos de 2017 e 2022, foram direcionadas para favorecer uma empresa vinculada aos investigados, totalizando pagamentos que alcançaram R$ 1.133.771,87, sendo que boa parte destes recursos foi advinda do Fundo Nacional de Saúde (FNS).

Foram expedidos cinco mandados de busca e apreensão pela 8ª Vara Federal de Sousa, na Paraíba, os quais foram cumpridos nos municípios de Coremas e João Pessoa, ambos no Estado.

O nome da operação, Galeno, faz referência a Cláudio Galeno, um proeminente médico e filósofo romano de origem grega que viveu na cidade de Pérgamo entre 129 d.C e 216 d.C, sendo considerado o “Pai da Farmácia”.

Portal T5

-

Policial

Pai mata filho a facadas durante briga na noite deste domingo (21) no Distrito de Mata Redonda, Alhandra

CNEWS TV

Dono de bar morre vítima de acidente de moto, entre Santana de Mangueira e Ibiara
© 2024. Catolé News. Todos os direitos reservados